↑ Voltar para Odontoceti

Kogidae

Duas espécies pertencem à Família Kogidae: Kogia breviceps e Kogia simus, de características muito semelhantes, embora a primeira seja levemente maior que a segunda. Animais crípticos, os kogídeos não formam grandes grupos. Frequentemente realizam acrobacias aéreas, saltos e outros comportamentos acima da superfície da água, nos quais é possível visualizar suas características. O encalhe em massa de exemplares desta família é freqüente.

O WoRMS considera a família Kogidae como parte da família Physeteridae, porém a Marine Mammal Society considera como duas famílias distintas.

Kogia breviceps (Cachalote-pigmeu)

Características Físicas

Espécie de corpo robusto apresentando uma cabeça quadrangular pequena. A boca, pequena e estreita, posiciona-se ventralmente. Os adultos atingem entre 2,7 e 3m de comprimento. As nadadeiras peitorais estão localizadas bem próximas à cabeça e a nadadeira dorsal, pequena e falcada, situa-se atrás do centro do dorso. A coloração do corpo é cinza-escuro-azulado no dorso, clareando gradativamente até a região da barriga, que pode ser branca ou rosada. Marcas brancas e curvas situadas atrás dos olhos lembram as guelras de um peixe.Não possui dentes na maxila. Na mandíbula são encontrados de 10 a 16 pares de dentes afiados.

Distribuição geográfica e hábitat

De distribuição cosmopolita, com registros de ocorrência em quase todos os mares tropicais, subtropicais e temperados, é uma espécie de águas profundas.

Links externos

Arkive

Encyclopedia of Life

World Register of Marine Species – WoRMS

Mapa de distribuição global da espécie

Kogia simus (Cachalote-anão)

Características físicas

O cachalote-anão é muito parecido com o cachalote-pigmeu, tanto na morfologia externa quanto no padrão de coloração A diferença está no tamanho; o cachalote-anão quando adulto atinge entre 2,1 e 2,7m sendo, portanto, menor que o cachalote-pigmeu. O corpo é robusto e a cabeça quadrangular e pequena. A boca, pequena e estreita, posiciona-se ventralmente. O cachalote-anão pode apresentar dentes na maxila além da mandíbula. Na maxila, porém o número nunca é superior a três pares. Já na mandíbula são encontrados de 7 a 12 pares de dentes afiados menores que os do cachalote-pigmeu. As nadadeiras peitorais estão localizadas bem próximas à cabeça. A nadadeira dorsal é alta e falcada, situando-se próximo ao centro do dorso A coloração do corpo é cinza-escuro-azulado no dorso, clareando gradativamente até a região da barriga, que pode ser branca ou rosada.  As marcas brancas e curvas situadas atrás dos olhos e que lembram as guelras de um peixe, são mais visíveis nesta espécie do que no cachalote-pigmeu. Na região da garganta a espécie pode apresentar pequenos sulcos irregulares semelhantes aos encontrados nos cachalotes adultos.

Distribuição geográfica e habitat

De distribuição cosmopolita, com registros de ocorrência em quase todos os mares tropicais, subtropicais e temperados, é uma espécie de águas profundas.

Links externos

Arkive

Encyclopedia of Life

World Register of Marine Species – WoRMS

Mapa de distribuição global da espécie